Saiba sobre a profissão de carpinteiro, uma das mais antigas do mundo

A profissão de carpinteiro é uma das mais antigas do mundo. Mas ainda é uma área atrativa para construir uma carreira promissora. Isso porque a madeira ainda é uma das matérias-primas mais usadas na construção civil e na decoração.

Aliás, não custa nada lembrar que a carpintaria está presente nos registros bíblicos através de São José, pai adotivo de Jesus Cristo. Mas muito antes dele já existiam carpinteiros que deixaram sua marca nas construções.

Há séculos atrás, as ferramentas eram rudimentares, bem como a forma de se conseguir madeira. Porém, hoje em dia, os equipamentos evoluíram juntamente com o fornecimento de madeira. Aliás, essa matéria-prima deve vir de áreas de reflorestamento para evitar danos ao meio ambiente.

Portanto, até hoje a profissão encanta muita gente. Afinal, a madeira bruta se transforma em lindas peças e materiais de acabamento. E, por falar nesses produtos existe uma pequena diferença entre carpinteiro e marceneiro que veremos a seguir.

Veja a diferença entre carpinteiro e marceneiro

Muitas pessoas que não são dessa área confundem as funções de marceneiro e de carpinteiro. Portanto, confira as diferenças básicas abaixo:

  • carpinteiro: é o profissional que lavra e aparelha a madeira usada em telhados, assoalhos, forros e outras estruturas da construção civil. Ele trabalha principalmente no canteiro de obras;
  • marceneiro: já o marceneiro corta, encaixa e entalha a madeira que será transformada em móveis e objetos de decoração. Ele normalmente trabalha numa bancada em um ateliê.

É interessante notar também que a madeira bruta é vista de forma diferente pelos dois profissionais. Sendo assim, os carpinteiros preferem a madeira mais resistente, enquanto que os marceneiros utilizam a madeira mais maleável e esteticamente mais bonita, podendo ser esculpida com mais facilidade.

Mas você já se perguntou se a profissão de carpinteiro precisa ser certificada por alguma instituição? Na prática, não é exigido diploma. No entanto, como os clientes estão mais exigentes é importante investir na sua formação profissional. Veja mais detalhes abaixo.

Confira como ter um certificado na profissão de carpinteiro

Antes de tudo é bom lembrar que com um certificado na profissão de carpinteiro, o profissional pode colocá-lo em local visível no seu local de trabalho. Além disso, ele também consegue levar mais conteúdo para a seção de formação acadêmica do seu currículo.

Sendo confira agora algumas das certificações disponíveis na área:

Portanto, seja como ajudante ou não é possível se destacar e ganhar mais reconhecimento com um certificado profissionalizante.

Desse modo, o Instituto Brasileiro de Qualificação Profissional (IBQP) pode contribuir com a sua capacitação através da Certificação por Competência. Você conhece o processo?

Basicamente, o certificado emitido por competência avalia o grau de experiência do trabalhador. Nesse sentido, o aluno passa por três processos principais: entrevista por telefone, avaliação dos documentos pessoais e trabalhistas e, por último, a prova a distância.

O procedimento é reconhecido pelo artigo 41 da Lei Federal 9.394/96 e já foi adotado por milhares de pessoas nas mais diversas áreas profissionais. Confira alguns depoimentos aqui.

Para concluir, a profissão de carpinteiro continua sendo uma boa opção de carreira para quem já possui as habilidades necessárias.

Se você já trabalha na área e que ir além conheça a Certificação por Competência falando com nossos atendentes ou navegando no nosso site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *