Como melhorar seu marketing pessoal no trabalho com um certificado

Business People Analyzing Statistics Financial Concept

Será que marketing pessoal no trabalho é só andar bem arrumado e cumprimentar as pessoas sorrindo? Certamente não! Então, acompanhe as dicas desse artigo de como melhorar sua performance.

Basicamente, o mercado de trabalho é competitivo e até mesmo injusto. Calma, que vamos explicar melhor essas duas considerações.

Em primeiro lugar, o ambiente de trabalho é competitivo. Mesmo que você seja amigo da galera, sempre tem alguém que deseja indicar um colega ou um parente para trabalhar no seu lugar.

Em segundo lugar, o mundo do trabalho é injusto. Você pode se esforçar e dar o seu melhor, mas se não souber demonstrar isso, o seu chefe irá ignorá-lo na próxima promoção.

Então, o marketing pessoal no trabalho surge como um aliado. Veja mais detalhes a seguir.

Exemplos de marketing pessoal

Como dissemos inicialmente, marketing pessoal no trabalho é mais do que trabalhar bem arrumado.

Nesse sentido, é bom lembrar alguns exemplos de marketing pessoal. Por isso, separamos uma listinha para você conferir se já está fazendo isso ou se ainda não se atentou a esses detalhes.

  1. ande bem arrumado: não dá para usar a mesma roupa de ir na balada no trabalho, não é mesmo? Além disso, não é preciso comprar roupas de marca e estourar o cartão, mas sim andar com roupas limpas e bem passadas. Se usar uniforme, cuide da manutenção e aparência.
  2. não tenha medo de dar sua opinião: nem sempre damos boas opiniões, mas o simples fato de contribuir demonstra que você é preocupado com os resultados da empresa. Isso conta como um ponto positivo.
  3. seja solícito: não caia no erro de tratar bem apenas o chefe. Seja gentil com todos, independentemente do cargo hierárquico na empresa. Tenha um espírito colaborativo e ofereça ajuda dentro dos seus limites.
  4. mostre a satisfação de trabalhar na empresa: um funcionário emburrado, antissocial e que reclama constantemente das ações da empresa não é bem-vindo em nenhuma equipe. Por isso, avalie seu comportamento na empresa e mude para melhor.
  5. busque o crescimento profissional: alguns profissionais veteranos, aqueles que passaram dos 10 anos na empresa, costumam se acomodar. Mas demonstre seu interesse em aprender. Faça cursos e busque a qualificação profissional.

Portanto, como você viu, marketing pessoal no trabalho diz respeito ao seu próprio desenvolvimento como pessoa e como profissional. Sendo assim, acompanhe a seguir como se certificar e ter reconhecimento.

Certificação por Competência

O próprio nome já é interessante, não é mesmo? A Certificação por Competência é um processo no qual o aluno é submetido a uma análise de documentos pessoais e profissionais e, na sequência, faz uma prova teórica de múltipla escolha. Se passar, pode adquirir o certificado na sua área.

Pode ficar tranquilo porque o processo é totalmente reconhecido. Afinal, ele é embasado pelo artigo 41 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), que consiste na Lei 9.394/96.

Mas um detalhe é imprescindível: você precisa já ter trabalhado na área por, pelo menos, dois anos. E isso deve estar expresso na sua carteira de trabalho. Mas você também pode comprovar sua experiência com um contrato de prestação de serviço a um antigo cliente ou com uma carta de próprio punho.

Para resumir, o marketing pessoal no trabalho ganha um up quando você tem um certificado profissionalizante.

Lembre-se disso e procure o Instituto Brasileiro de Qualificação Profissional (IBQP) para fazer sua certificação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *